Mais planejamento e seriedade, Menos arrogância e soberba

Alô, Fiel Torcida!!!

Passado o calor do jogo, emoções a flor da pele chegamos a primeira conclusão: o time adversário era muito melhor que o nosso e só chegamos na decisão, pela força da Fiel Torcida, que comprou o barulho e foi o “algo mais” para esta campanha. Porém temos outras conclusões da derrota; Eu acredito muito em merecimento, na verdade mesmo com a má fase técnica e tática muitos no elenco mereciam essa conquista, inclusive, a própria Fiel.

Foto: Renata Cristina
Foto: Renata Cristina

Agora a “nobre” diretoria não merecia, aliás, se o título viesse iria premiar a esculhambação, a falta de planejamento, o “vamos que vamos”… tudo errado. Houve um desmanche? Sim, é lógico!!! Na maioria das vezes o jogador não quer ficar? Isso é verdade também!!! Mas a solução é simples (ou eu acredito que seja): “Legal, vamos te liberar, mas só após uma reposição com a mesma qualidade, no mínimo”. Eu não sou contra negociar, mas a reposição tem que ser igual ou melhor e, infelizmente, as reposições foram muito abaixo (vide a lateral esquerda).

Repito: o time do Cruzeiro era melhor sem dúvida, mas o Corinthians, não fez frente aos mineiros em nenhum momento. Posso citar várias razões para isso: elenco muito enfraquecido, mudança constante no comando técnico, perda de tempo com um profissional que estava no trabalho anterior há UM ANO e simplesmente desmontou taticamente a equipe sendo que era só dar sequência (na questão tática), enfim…

Foto: Fabio Soares
Foto: Fabio Soares

Agora é abrir os olhos, pois a briga neste final de ano é contra o temível rebaixamento. Digo temível pelo desempenho da equipe que é sofrível. O trabalho do Jair Ventura até mostrou evolução, mas atualmente estagnou e não dá mostras de melhora com a colaboração da má fase técnica de muitos atletas, que não conseguem acertar um passe, só para ficar neste exemplo.

Espero que a diretoria e, principalmente, o atual mandatário pare de se preocupar com os outros clubes, pare com piadinhas desnecessárias e faça o que a Fiel torcida espera: um trabalho digno, sem bravatas e soberba. Sim, soberba sim! Quando diz: “que a estrutura garante, a ausência de qualquer profissional”, é soberba, pois trata o profissional como uma peça qualquer. O time do Jd. Leonor ficou com esse discurso, com essa conduta e vimos que os caras não se acharam mais. Abre o olho, Presidente!!!! Aqui é Corinthians!!!

Foto: divulgação
Foto: divulgação

Tá dito!!!!

DOIS TOQUES

– O Corinthians precisa somar 12 pontos para espantar qualquer ameaça de rebaixamento.

– Com o vice-campeonato da Copa do Brasil, o Timão embolsou 20 milhões de Reais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *